O caso ocorreu no hospital Edson Mano, em Santa Bárbara d’Oeste (SP).

Metropoles

O médico Rodrigo Augusto da Rocha Recchia, de 41 anos, foi agredido com socos por um paciente, após negar-lhe um atestado, no hospital Edson Mano, em Santa Bárbara d’Oeste (SP).

À Polícia Civil, ao registrar ocorrência, Rodrigo afirmou que o agressor não tinha sintomas que justificassem o afastamento do trabalho.

O homem que agrediu o médico invadiu uma área de acesso limitado do centro de saúde e exigia o atestado, pois havia faltado ao trabalho para ir à consulta.

O médico relatou ter sido ameaçado de morte. Ao tentar retirar o paciente do local, o doutor recebeu um murro na boca. Rodrigo tentou reagir, mas um segurança o impediu e ele levou mais dois socos. O paciente fugiu depois da confusão.